Cloridrato de Amitriptilina

O Cloridrato de Amitriptilina é um ansiolítico usado com fins de calmante. Sua composição de antidepressivo tricíclico age diretamente no cérebro, através de regulações de substâncias que estão em desequilíbrio, também na parte de neurotransmissores. Sua finalidade é o tratamento de quadros depressivos, enxaqueca, cefaléia ou ansiedade.

Geralmente os antidepressivos ou calmante tendem a ter uma série de restrições, afinal sua ação apesar de específica, causa efeitos no corpo todo. Portanto, você poderá entender basicamente do que se trata, para que serve e as condições de uso da amitriptilina.

Qual a composição?

ComposiçãoSua venda é feita em doses que giram em torno de 25 e 75 mg. Sendo assim cada comprimido pode conter a dosagem descrita anteriormente, adicionados produtos que estabilizam o medicamento.

Os produtos que costumam ser usados são:

  • Amido;
  • Celulose microcristalina;
  • Ácido esteárico;
  • Copovidona;
  • Corantes laca amarelo quinolina e crepúsculo;
  • Dióxido de silício e de titânio;
  • Fosfato de cálcio;
  • Estearato de magnésio;
  • Lactose monoidratada;
  • Macrogol;
  • Corante amarelo tartrazina;
  • Hipromelose.
Sua ação se dá diretamente no sistema nervoso central (SNC), regulando a produção da serotonina. A consequência do seu uso gera alegria, bem-estar e relaxamento, embora há quem relate falta de emoção, afinal sua ação é muito efetiva.

Assim, seus efeitos podem aparecer em um período de 7 a 30 dias, até que possa agir de maneira mais efetiva, gerando resultados perceptíveis no quadro de melhora.

Para que serve?

Para dormirO cloridrato de amitriptilina é geralmente receitado para o tratamento da depressão e enurese noturna (quando se urina na cama durante o sono). Eventualmente pode servir como ansiolítico.

A recomendação inicial de uso do medicamento é de que os pacientes ingiram doses pequenas, antes de deitar. O tempo de utilização e a dosagem é determinado sempre pelo médico, mas normalmente fica entre 75 mg diárias que pode ser aumentada até 150 mg por dia.

Entretanto a dosagem para pacientes hospitalizados pode ser ligeiramente maior, girando em torno de 100 a 200 mg por dia, adequando à necessidade.

Nos casos de adolescentes ou idosos a dosagem também é restrita e fica em um teto de 50 mg por dia, salvo se houverem indicações médicas. A administração pode ser feita mais de uma vez ao dia, dependendo da indicação médica. No entanto, quando feita uma vez somente, geralmente esta acontece na parte da noite, sempre antes de dormir.

Para quem é indicado a amitriptilina?

Como tomarO foco do tratamento com amitriptilina é a depressão e enurese noturna, como apontado anteriormente, no entanto, pode eventualmente servir como prevenção de casos de enxaqueca, ansiedade ou até auxiliar nos casos de esquizofrenia.

Esse medicamento é somente indicado para quem pode fazer acompanhamento médico e sua aquisição é feita somente com receita.

Cloridrato de Amitriptilina Engorda?

Boa parte das pessoas se preocupam com o uso do medicamento, no sentido de saber se o mesmo auxiliar ou facilita o ganho de peso ou acúmulo de gordura.

O fato é que a preocupação é válida, já que inegavelmente o uso de Cloridrato de Amitriptilina está associado com o aumento de peso, já que é um dos efeitos colaterais gerados em decorrência do uso do medicamento.

Sono

Tal acontecimento se apresenta porque o aumento de apetite é uma das reações adversas que podem ocorrer, levando ao aumento de consumo calórico conforme o medicamento seja administrado, causando aumento de peso.

Dá Sono?

Sim. É um dos efeitos da substância Amitriptilina. Nos primeiros dias de tratamento esse é um dos efeitos mais registrados, e por isso é indicado que sua ingestão seja feita uma vez somente ao dia, antes de dormir. Conforme a sonolência seja controlada, o tratamento pode ser feito através da ingestão mais de uma vez ao dia.

Efeitos Colaterais

Efeitos

Amitriptilina pode causar tonturas e sonolência durante as primeiras horas após o uso.

O uso do cloridrato de amitriptilina pode causar alguns efeitos colaterais como: boca seca, sonolência, tonturas, alterações do paladar, aumento do peso, dor de cabeça, visão turva ou prisão de ventre.

  • Se sentir sonolência enquanto estiver a tomar este medicamento, o seu médico pode pedir-lhe que tome a sua dose ao deitar.

Contraindicações e riscos

"/O Cloridrato de Amitriptilina deve ser evitado por gestantes ou lactantes, salvo sobre prescrição ou acompanhamento médico. O medicamento não deve ser usado também por pacientes que utilizem algum antidepressivo inibidor de monoaminoxidase (IMAO), que tenham passado por episódios de infarto do miocárdio, que possuam asma, glaucoma, algum tipo de disfunção hepática, ou problemas cardíacos e gastrointestinais.

Quem tiver alergia a alguns dos componentes do fármaco também precisam evitar o uso. Considerando que o medicamento diminui o nível de alerta do paciente, o mesmo deve evitar operar máquinas pesadas, e também dirigir enquanto o tratamento durar.

Sendo um medicamento de ação específica no SNC, seu consumo somente é permitido com prescrição e acompanhamento médico. Por isso, esteja atento quando o médico responsável falar a respeito do tempo de duração do tratamento bem como sobre a dosagem. Ao se deparar com um dos efeitos colaterais, busque o médico para que o mesmo dê as indicações necessárias.

Caso seja alérgico a qualquer um dos produtos que compõem o medicamento, estiver utilizando antidepressivos inibidores da monoaminoxidase (IMAO), estar em tratamento com cisaprida ou tiver sofrido infarto recentemente (últimos 30 dias), você não deve tomar esse medicamento em hipótese nenhuma.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *